Quem sabe?

ceu-em-bx.jpg

O calor intenso se transformou no principal assunto nestes dias. Na fila do supermercado, entre amigos, logo após cumprimentar alguém, no meio de um desabafo, num comentário casual. O calendário marcou uma nova estação, que não chegou. Os tons de outono, variações da cor laranja, estão presentes, mas migraram das árvores para o céu. O sol forte deixa rastros no nascer e ao se por. Acredito que nós, sulistas, sentimos finalmente um pouco do que os nordestinos sentem com o sol nascendo cedo, castigando ao longo do dia e da noite. Sentimos falta da chuva, do clima típico do outono, das folhas caindo e se renovando. Foram tantos dias de calor, que muitos já rezavam pela chuva e outros rogavam pelo frio. Mesmo sem Padre Cícero na cultura, encontramos um santo para ouvir nossas preces. Dona Marlene disse outro dia na feira: “Esse outono tá pior que o verão em pleno dezembro”.

Todos atentos à previsão do tempo para ver se o alívio chegaria rápido. Lojistas estavam desesperados com o estoque de mangas longas que não seria vendido, afinal quem desejaria este tipo de roupa quando o que se queria era ficar sem? Ouvi comentários de vizinhos sobre flores, típicas do verão, desabrochando em pleno outono. Estranhamente não ouvi perguntas sobre o porquê deste calor. Senti a espera. A espera do clima próprio da estação. Senti uma indignação com verão tão longo por parte de alguns. Senti comemoração da parte de outros.

O final de abril se aproximou. E a chuva também. Ecoa agora no telhado. Mexe com meus sentimentos. Penso. Somos refém da natureza, apesar de nos acharmos donos dela. Ela reage às nossas ações, mas ainda não entendemos. Um mês e seis dias após o seu início, o clima de outono parece que finalmente vai dar o ar da sua graça. Chegou com atraso, mas chegou. Quem sabe um dia não venha mais. Quem sabe um dia seja apenas inverno e verão. Quem sabe sejamos um país com estações mais iguais. Quem sabe a gente se acostume e nem reclame mais…quem sabe!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s